O cantor alentejano Buba Espinho lançou o seu primeiro single ‘Roubei-te um beijo’, que teve a participação de António Zambujo.

Buba Espinho apresenta-se com o legado de várias gerações da música portuguesa, mas em especial a música alentejana. Revelou ao Gerador que “o Alentejo está presente em tudo aquilo que canto. Foi e sempre será uma forte influência na minha música e na minha vida pessoal. Ser alentejano é um orgulho, e poder representar a minha terra, cantando, é sempre uma honra”.

As primeiras memórias de Cante Alentejano de Buba Espinho são na casa de Armando Torrão, autor da canção ‘Roubei-te um beijo’. Com António Zambujo, a parceria nasceu ainda no Alentejo, onde ambos cantavam pela noite dentro e onde António desafiou Buba a ir para Lisboa, a arriscar. Ouve aqui a canção.

O single que agora edita é o primeiro passo da carreira do jovem cantor, como se assume. “2020 será o ano do lançamento do meu primeiro disco a solo. O disco baseia-se na história que fui construindo nos meus ainda jovens 24 anos, passando pelo cante alentejano, pelo fado e pela canção portuguesa.”

Buba Espinho adiantou ao Gerador que o disco no qual está a trabalhar tem alguns artistas convidados. “O meu conterrâneo António Zambujo e outros dois artistas que convidei para cantarem comigo uma linda canção: Tiago Nacarato e Diogo Brito e Faro”.

Buba Espinho é natural de Beja, já integrou vários grupos de Cante Alentejano, venceu a Grande Noite de Fado no Coliseu dos Recreios e tem sido convidado regular de espetáculos de artistas portugueses, como Rui Veloso, Ana Moura, António Zambujo, Celina da Piedade, Júlio Resende. Tendo atuado nas principais salas portuguesas e no estrangeiro.

Texto de Rita Dias
Fotografia via press release

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.