De 6 a 14 de julho, Santo Tirso recebe Conan Osíris, Zé Amaro, GNR e entre outros para as Festas de S. Bento em versão alargada.

As festas de São Bento, começam no dia 6 de julho, com o Arraial dos Carvalhais e prolonga-se até dia 14, prevendo para além de petiscos e folclores, uma vasta programação “muito abrangente pensada para o público dos 8 aos 80 e em que há um esforço para conjugar a componente religiosa, em honra de S. Bento, com a diversão. A ideia é podermos inovar, mas sem esquecer aquela que é a origem das Festas”, afirma Alberto Costa, presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, em comunicado de imprensa.

A Praça 25 de Abril será, a partir de dia 10, o ponto de encontro de concertos, que contará com a passagem de Dan Riverman, seguido da singularidade de Conan Osíris, Zé Amaro para uma dose de música popular, Deejay Telio que trás musicalidades funk a Santo Tirso, e ainda a banda rock portuguesa GNR. A programação musical das Festas, conta ainda no dia 14, com a habitual noite de fado na Quinta de Fora, com Fábia Rebordão.

Para além de concertos, o Largo Coronal Baptista Coelha, transformar-se-á numa pista de dança, prevendo DJ sets de Richard Jay, DJ Pette, Los Bravos, Miguel Simões, Berto Boss, Viktor Soul e Echo Sound.

O grupo Ritmo CAID fará uma atuação no dia 8, na Praça Conde São Bento para inaugurar Praça Colorida, com um projeto artístico alusivo ao santo padroeiro de Santo Tirso, com o intuito de misturar as artes e a romaria.

No dia 10, véspera de feriado nacional, há ainda fogo de artifício sobre o rio Ave, mas é no dia 14, a propósito do desfile das Associações, que “a sessão de fogo piromusical vai acontecer, pela primeira vez, junto ao Museu Internacional de Escultura Contemporânea”, desvenda ainda o autarca.

 

Texto de Rita Matias dos Santos
Fotografia de Câmara Municipal de Santo Tirso

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.