A Plataforma Portuguesa para os Direitos das Mulheres (PpDM) associou-se à campanha do Conselho da Europa “Sexismo: Repare nele. Fale dele. Acabe com ele”, através do projeto europeu Mobiliza-te Contra o Sexismo! A organização portuguesa relançou a campanha europeia, no Dia Internacional da Rapariga das Nações Unidas, assinalado ontem, 11 de outubro, este ano sob o mote Geração digital: a nossa geração.

“Mais de metade da população portuguesa são mulheres e raparigas. Todos os dias vivemos em contextos marcados por discursos e práticas sexistas, particularmente amplificados no espaço digital. Em 2021 vamos juntar forças entre várias organizações e mobilizarmo-nos contra o sexismo! Vamos trabalhar para que as raparigas possam viver livres da violência e do medo da violência masculina em todos os seus espaços de interação, tanto online como offline”, afirmou Ana Sofia Fernandes, presidente da PpDM.

Num contexto marcado pela pandemia da Covid-19 e pelo uso acelerado de plataformas digitais, “o sexismo e a violência tornaram-se particularmente evidentes em virtude destes fenómenos continuarem a marcar a experiência digital das raparigas e jovens mulheres”, lê-se em comunicado da PpDM. Simultaneamente, no Fórum Geração Igualdade das Nações Unidas, firmaram-se compromissos internacionais para a ação a 5 anos, para acelerar a realização da igualdade entre raparigas e rapazes, mulheres e homens, envolvendo a sociedade civil organizada, governos, empresas e outros agentes de mudança.

A campanha “Sexismo: Repare nele. Fale dele. Acabe com ele.”, que envolve um conjunto de 22 publicações, decorre online entre 11 de outubro e 24 de novembro e integra as parcerias nacionais da Comissão para a Cidadania e a Igualdade (CIG), do Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ) e do Alto Comissariado para as Migrações (ACM), que este ano também se junta à campanha. A iniciativa pretende mostrar a prevalência do sexismo e as manifestações atuais do mesmo, apontando respostas possíveis em cada contexto e organização, e inclui até um teste para que possas descobrir se és sexista.

O projeto "Mobiliza-te Contra o Sexismo!" inclui ainda um concurso nacional de vídeo “Eu digo não ao sexismo!” destinado às alunas e aos alunos do 3.º ciclo do ensino básico e secundário das escolas públicas, privadas e profissionais, em parceria com a Comissão para a Cidadania e a Igualdade de Género (CIG), com o apoio da Rede de Bibliotecas Escolares (RBE). Sabe mais sobre este concurso aqui.

Fotografia de Olia Danilevich

Se queres ler mais entrevistas sobre sociedade em Portugal, clica aqui.