Nos dias 19, 20 e 21 de Novembro, pelas 22h00, no palco digital do Facebook da Teatro Nacional XX1, decorrerá o CICLO 2+1, desenvolvido "no âmbito da produção d' O Corpo de Helena (projecto apresentado em Junho passado e apoiado pelo fundo de emergência da Direção Geral das Artes), decidiu avançar com um Fundo de Apoio à Criação complementado por contributos dos espectadores que permitiram triplicar o montante a disponibilizar em bolsas para jovens Artistas formados em Teatro/Artes Performativas, no ano lectivo transacto (2018/2019)", lê-se no comunicado de imprensa.

Durante os meses de Julho e Agosto, foram recebidas mais de 15 propostas, de artistas individuais ou colectivos. Foram seleccionados três projectos, dois dos colectivos Teatro à Faca e Teatro Bastardo e um de Miguel Jerónimo, dando, assim origem ao nome do ciclo. Estes receberam uma bolsa de 500euros, foram acompanhados, durante um mês e meio de trabalho, por Albano Jerónimo e Cláudia Lucas Chéu, directores artísticos da TN21, e apoiados na comunicação pela companhia.

"A premissa de apresentação final era replicar o modelo experimental levado a cabo pela TN21 com a produção totalmente on-line de O Corpo de Helena: apresentar o espetáculo produzido em direto, através de um dispositivo on-line, até 30 de Novembro de 2020." Os ensaios também se realizaram em formato digital, através da plataforma Zoom.

O Teatro à Faca, no dia 19 de Novembro, apresentará "Ball", uma criação de Afonso Molinar. No dia 20, Miguel Jerónimo far-nos-à passar o "Natal em Miami", e, no dia 21, poderemos assistir ao drama "Providentia", do Teatro Bastardo, com direcção de Gonçalo Botelho.

"Com esta iniciativa, a TN21 pretende reafirmar o seu compromisso com os tempos que vivemos, oferecendo à sua escala uma resposta a uma nova geração de artistas (que não pode desistir ainda antes de começar)", continua o comunicado.

Texto de Raquel Botelho Rodrigues

Fotografia cedida pela TN21, referente a "Ball", do Teatro à Faca