O Wiener Festwochen - Festival de Viena vai receber três espetáculos do Teatro Nacional D. Maria II no decorrer do evento, que começa a 9 de maio e finda a 19 de junho. Através de Sopro, uma produção do D. Maria II, do Ensaio para um Cartografia e Bacantes - Prelúdio para uma Purga (estes dois últimos coproduções do teatro), o teatro português viaja até à capital austríaca. 

Para o primeiro mês do festival estão agendados Ensaio para uma Cartografia, da encenadora Mónica Calle, entre 13 e 15 de maio, e Bacantes - Prelúdio para uma Purga, da bailarina e coreógrafa Marlene Monteiro Freitas, nos dias 18 e 19 de maio. Já em Junho a peça de Tiago Rodrigues — Sopro — fica em cena nos dias 7 e 8, na continuação da digressão nacional e internacional que tem vindo a fazer desde 2017.

As peças de Mónica Calle e Marlene Monteiro Freitas integram a programação do Teatro Nacional D. Maria II entre março e abril de 2017, enquanto a de Tiago Rodrigues esteve na Sala Garrett em novembro do mesmo ano. Também em novembro de 2017 foi lançado o livro “Como ela morre / Sopro”, de Tiago Rodrigues. 

O Festival de Viena surgiu em 1950 e assume uma postura multidisciplinar no campo das artes, na cidade. Junta o teatro, a performance, a dança, a música, as artes plásticas, a instalação, workshops e ações que promovem a participação de diferentes intervenientes. O evento tem várias atividades com entrada livre e uma programação diversificada, que podes consultar aqui

Sopro, de Tiago Rodrigues 

Ensaio para uma cartografia, de Mónica Calle

Bacantes - Prelúdio para uma Purga, de Marlene Monteiro Freitas 

Texto de Carolina Franco
Fotografia de @Filipe Ferreira

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.