Em janeiro de 2021, na Rua Passos Manuel, em Arroios, nasceu um novo espaço colaborativo multifuncional, a Corrente. Concebido e idealizado por Catarina Monteiro e Leonor Bettencourt Loureiro, a Corrente tem como principal objetivo oferecer um espaço e uma infraestrutura local, que apoie a criação de eventos comunitários, servindo também como palco temporário e experimental para artesãos, artistas, marcas e projetos independentes.

A Corrente, um sonho que surgiu para inspirar, apoiar e partilhar, já conta com um núcleo fixo de residentes, abrindo ao público no passado dia 16 de abril, com a exposição "SURROUNDINGS", um projeto em colaboração com o estúdio de ilustração e risografia, MAGO Studio.

Catarina Monteiro e Leonor Bettencourt Loureiro, fundaram o espaço Corrente em plena pandemia, abrindo portas em abril de 2021

Catarina e Leonor iniciaram o projeto em plena pandemia, com um budget pequeno e muito trabalho de construção e renovação do espaço, envolvendo os habitantes e negócios vizinhos da rua de Arroios. O espaço independente, nasceu da grande paixão pelo bairro e da necessidade de encontrar um lugar de trabalho irreverente e multifuncional.

A Corrente divide-se em duas áreas de trabalho distintas, uma mais privada, com ateliers e espaços de trabalho, e outra comum, aberta para a Rua Passos Manuel. As áreas de trabalho são fundamentais e é precisamente através delas que o espaço é autofinanciado e habitado diariamente, estimulando assim a criação e desenhando simultaneamente o cenário para o programa de eventos que pretendemos ali desenvolver, em conjunto com os residentes do espaço e a comunidade local”, conta Catarina Monteiro. A Corrente é, por esse motivo, um projeto em constante metamorfose, que auxilia na materialização de ideias de forma sustentável e colaborativa.

A Corrente divide-se em duas áreas, uma com ateliers de trabalho e uma área comum, direta para a rua

Já a exposição "SURROUNDINGS", que inaugurou a abertura do espaço ao público, é uma iniciativa contínua, acontecendo numa primeira fase de 16 de abril a 15 de maio de 2021, estendendo-se em mais duas edições, de 9 de julho a 8 de agosto, e de 17 de setembro a 17 de outubro. A primeira edição incorpora trabalhos de 16 artistas convidados: Adfunto, Amanda Baeza, Bina Tangerina, Cryptmuzz, Dai Ruiz, Gonçalo Duarte, Inês Oliveira, Joana Mosi, Leonor Violeta, Malva, Mantraste, Marcos Martos, Maria Goes, Mariana Cáceres, Paola Saliby e Tiago da Bernarda aka O Gato Mariano. .

A exposição, que inaugura oficialmente a Corrente, poderá ser visitada no novo espaço todas as quintas e sextas-feiras, das 17h às 20h, e sábados e domingos das 12h às 17h.

Texto de Ana Mendes
Fotografias da cortesia da Corrente

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.