Cerca de 15 mil livros escolares foram recolhidos na ilha da Madeira e vão ser enviados para Angola no âmbito do “Projeto África”. A iniciativa pretende promover uma cidadania ativa e participativa, materializando a solidariedade social com os países lusófonos.

Segundo uma nota difundida pelo município de Câmara de Lobos, a iniciativa surgiu em junho deste ano e teve por objetivo recolher manuais escolares e outro material educativo em quase todas as escolas dos 2.º e 3.º ciclos e secundárias da região.

De momento, já está em curso a segunda fase do projeto, que consiste na recolha de material escolar, nomeadamente de lápis, canetas, cadernos, borrachas e estojos, que serão também enviados para Angola.

No total, aderiram ao projeto 24 escolas de diferentes concelhos da região.

Texto de Lusa e Isabel Marques
Fotografia disponível via Pexels