Entre os dias 2 e 11 de outubro, no Fórum da Maia, decorre a XXV edição do Festival Internacional de Teatro Cómico da Maia, que arranca sob o mote “O Riso desconfina a inteligência”.

Ao longo de dez dias consecutivos são 29 o número de companhias, nacionais e internacionais, a apresentar 30 espetáculos entre o Grande Auditório, o Café-Teatro e animação de rua. Entre as companhias e artistas que marcam presente este ano no Festival estão Teatro das Beiras, Chapitô, Fértil, Nova Companhia, Eva Ribeiro, Boca de Cão e Mr. Milk, de Portugal; Pedras de Carton, Rolabola, Palhaço Enano, Teatro do Guirigai e Traspediante, de Espanha; Teatro C´art e Teatro del Respiro, de Itália e do Brasil; Marimbondo e Pina Polar, da Alemanha e Polónia.

De acordo com o comunicado emitido pelo Teatro Art’Imagem, a quem cabe a Direção Artística e a Produção do Festival, nesta edição ” o teatro cómico é apresentado em todas as suas dimensões e disciplinas: a comédia, o teatro de rua, a mímica, a animação, stand-up comedy, musical, o novo circo, marionetas e fantoches, café-teatro, o clown”.

A primeira edição do festival realizou-se em 1994, mas só a partir de 1996 o evento passou a ser anual. Este Festival é uma iniciativa da Câmara Municipal da Maia com direcção artística e produção do Teatro Art’Imagem.

O preço do bilhete por espetáculo tem um custo de 5€ e o passe para todo o Festival um custo de 50€, podendo os bilhetes serem adquiridos aqui.

O programa completo pode ser consultado aqui.

Texto de Bárbara Dixe Ramos
Fotografia da 24ª edição, em 2019

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.