A nova biblioteca municipal de Baião, que já começou a ser construída, aproveita e amplia o edifício da antiga escola primária da vila, num investimento de cerca de um milhão de euros, informou a 13 de junho a autarquia.

Segundo o município do distrito do Porto, o projeto aponta para a recuperação do edifício escolar situado na avenida 25 de abril, ao qual vai ser adicionado um novo bloco, com três pisos, aumentando a área disponível para o futuro equipamento cultural.

A área total de construção será de 1065 metros quadrados. Do lado da Avenida 25 de Abril será mantida a estética do edifício atual, que constituirá a entrada principal.

No piso inferior ficarão a seção infantil e a área de animação para atividades diversas e no superior funcionará a secção com livros para adultos e espaços complementares.

A obra de construção civil representará 900 mil euros de investimento e o equipamento da futura biblioteca aponta para 150 mil, de acordo com um comunicado enviado à Lusa.

“Estamos a criar um equipamento de cultura, de lazer e de educação, aberto a pessoas de todas as idades”, comenta o presidente da câmara, Paulo Pereira, citado no comunicado.

O autarca assinala, também, que a biblioteca terá “elevados padrões de qualidade arquitetónica e irá disponibilizar atividades variadas”.

“Temos a certeza de que os baionenses vão ficar orgulhosos e satisfeitos, até porque vai situar-se numa avenida muito bonita e que assim ganhará nova vida”, acrescenta.

Para a câmara municipal, esta obra também será relevante no contexto da atual pandemia covid-19, porque ajudará à “dinamização da economia”.

“Com investimentos como este, estamos a dar um contributo para a superação das dificuldades que todos vamos enfrentar”, concluiu o presidente.

Texto de Lusa
Fotografia de Petr Adam Dohnálek  disponível via Wikimedia

Podes saber mais na nossa agenda aqui.