A Companhia Mascarenhas-Martins vai comemorar o Dia Mundial do Teatro, que acontece esta sexta-feira, dia 27 de março, com o lançamento de um episódio do podcast O lugar da mediação com João Brites, numa parceria com a Mapa das Ideias.

“Na impossibilidade de apresentar a leitura encenada da mensagem do Dia Mundial do Teatro que estava prevista para o Cinema-Teatro Joaquim d’Almeida, Montijo, a Companhia Mascarenhas-Martins vai comemorar a efeméride sem que ninguém precise de sair de casa”, refere o coletivo em comunicado.

Além disso, o texto Há dois anos que eu não como pargo, de Miguel Branco, vai ficar disponível para leitura enquanto não for possível apresentar o espectáculo, que ainda estreou no Montijo, no dia 12 deste mês, mas que não pôde cumprir todas as datas agendadas.

Enquanto durar o isolamento, estará também disponível online o documentário Cortar a rua para abrir caminho, no qual o seu realizador, Levi Martins, retrata o processo desenvolvido para Quarentena, espetáculo comemorativo dos 40 anos d’O Bando, que contou com residências artísticas em diversos locais do país.

Os links para os diferentes materiais serão disponibilizados nas redes sociais da companhia, assim como no seu próprio site no dia 27 de março.

Texto de Ricardo Ramos Gonçalves
Fotografias de Levi Martins

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.