O Festival Internacional de Cinema de Arquivo, Memória e Etnografia regressa para a 9.ª edição, entre 14 e 17 de outubro, com 21 filmes a concurso nas sessões competitivas, entre curtas e longas-metragens, oriundas de várias partes do mundo.

À semelhança das edições anteriores, as sessões competitivas do Family Film Project voltam a dividir-se em três zonas temáticas: Vidas e Lugares (com enfoque no registo voyeurístico, biográfico ou documental de habitats e quotidianos), Ligações (centrada nas dinâmicas interpessoais e comunitárias), e Memória e Arquivo (dedicada a olhares criativos a partir de testemunhos e de found footage).

“Na secção competitiva deste ano surgem já filmes diretamente relacionados com a condição pandémica e as alterações sociais e comportamentais daí decorrentes. Mas interessa-nos também prosseguir o projeto de partilha de obras que descolam do presente para questionarem a construção (e desconstrução) da memória e do arquivo – zonas temáticas que este ano estarão especialmente presentes – bem como as formas de representação do trabalho, dos afetos e dos lugares”, pode ler-se no comunicado do festival.

Os 21 filmes a concurso – grande parte em estreia nacional – serão avaliados por um júri composto por Luísa Sequeira, realizadora e curadora de cinema, Maria Mendes, curadora de documentários para festivais de cinema em Portugal e no Brasil, e Teresa Macrí, crítica de arte, curadora independente e escritora.

Nesta 9.ª edição do Family Film Project, será atribuído o Prémio Melhor Longa-Metragem Vinhos Porto Fonseca, no valor de mil euros, destinado ao melhor filme com duração superior a 50 minutos, e o Prémio Melhor Curta-Metragem, no valor de 300 euros, destinado ao melhor filme com duração inferior a 50 minutos. Descobre todos os filmes nomeados aqui.

Este ano, o Festival Internacional de Cinema de Arquivo, Memória e Etnografia estará dividido em quatro locais diferentes: Cinema Passos Manuel, Cinema Trindade, Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto e no Coliseu Porto Ageas. Conhece todo o programa do festival aqui.

O Gerador é parceiro do Family Film Project.
Texto de Flávia Brito
Fotografia do filme “The Home Within Me”

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.

Vidas, lugares, ligações, memória e arquivo, em competição no Family Film Project