Esta semana estivemos à conversa com Delfim Sardo, curador da exposição "A Natureza Detesta Linhas Retas", de Gabriela Albergaria, patente nas galerias da Culturgest, até 28 de fevereiro de 2021.

Inserida no programa Lisboa Capital Verde, esta, que é a primeira exposição antológica de Gabriela Albergaria, acompanha de perto vários momentos do percurso da artistas e dá a conhecer o balanço da atividade da mesma que, desde a década de 1990, se tem debruçado sobre as relações de aculturação da paisagem e da natureza, a partir dos processos migratórios e da globalização iniciada no século XV.

Nas múltiplas tipologias que utiliza – escultura, instalação, fotografia, desenho –, o registo das transformações da paisagem pela ação humana, a modificação dos ecossistemas a partir das importações de espécies vegetais e a história da domesticação da natureza, presente na construção dos jardins botânicos no século XVIII, têm vindo a afirmar um corpo de trabalho coerente e sistemático.

Descobre a entrevista ao curador Delfim Sardo aqui.

Jornalista: Flávia Brito
Edição de vídeo: Susana Maciel
Cura com Delfim Sardo