Dia 15 de junho, pelas 21h00, Matilde Meireles apresenta "MILL~MMXXI", uma peça sonora que será transmitida gratuitamente no Facebook e YouTube da Culturgest. Tendo como ponto de partida a exposição de Gabriela Albergaria, A Natureza Detesta Linhas Retas - que ainda pode ser visitada até ao dia 27 de junho - a artista registou a atividade da vida selvagem entre as estações do inverno e primavera, assim como a presença humana, direta e indiretamente.

Sonorous Cities: Towards a Sonic Urbanism (Cidades Sonoras: A Caminho do Urbanismo Sónico) é o atual projeto de Matilde Meireles como artista sonora e investigadora durante os próximos três anos no pós-doutoramento da Universidade de Oxford.

Inspirando-se no trabalho de Gabriela AlbergariaA Natureza Detesta Linhas Retas - onde a artista plástica alude à transformação do meio natural pela ação humana, desde a aceleração do progresso até à intervenção deliberada na reconstrução de sistemas verdes, onde processos de manipulação na natureza são questionados e expostos - Matilde parte de Jones's Mill, situada na região de Wiltshire no sudeste de Inglaterra, "mais precisamente no North Wessex Downs, a meia hora do Stonehenge, junto à vila de Pewsey" para efetuar uma vasta recolha de matéria sonora para a sua peça, registando a atividade da vida selvagem entre as estações do inverno e primavera, assim como a presença humana, direta (através da existência de habitantes e visitantes, bem como do tráfego ferroviário) e indireta (pela criação e manutenção da própria reserva), explica a artista em comunicado.

Foi a partir da "floresta pantanosa e húmida", em que a reserva contém parte dohabitat para animais como os ratos-do-mar, libélulas, pica-paus, guarda-rios e garças reais, sendo igualmente o exemplo mais conhecido de um vale calcário na zona de Wiltshire, que a artista procurou refletir o equilíbrio.

MILL~MMXXI pretende expor uma representação sonora eletroacústica de um ecossistema "definido por legislação, selvagem, mas vizinho da presença humana", diz-nos Matilde.

Texto de Patrícia Silva
Fotografia da cortesia da Cuturgest

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.