A obra "Memorial do Convento" renasce numa viagem histórica e cultural por Lisboa, Loures e Mafra, que nos leva a conhecer os locais que fizeram parte deste romance e que nos transporta até ao século XVIII, a Rota Memorial do Convento.

Manuel Milho, trabalhador da construção do Convento de Mafra, conhecido como um bom contador de histórias, é uma das personagens deste romance de José Saramago. Ao longo dos vários dias de transporte de uma pedra de Pêro Pinheiro até Mafra, Manuel relata a história de uma rainha que foge com um ermitão, criando nos seus ouvintes uma grande expectativa sobre o desenlace.

A Rota Memorial do Convento é um lugar de sonho e de histórias que nos levam para outros lugares, por isso todos os meses um jovem escritor será convidado a criar uma pequena história que poderia ter sido contada pelo próprio Manuel Milho.

A primeira dessas histórias foi escrita por Ricardo Cabaça, dramaturgo português com peças publicadas por diversas editoras e revistas nacionais e internacionais. Cofundador e codiretor artístico da 33 Ânimos desde a sua fundação, em 2012, os seus textos foram já encenados em Portugal, Brasil, Espanha e França.

Descobre este conto que te irá levar a viajar por novos lugares, aqui.

O Gerador está a dar uma mãozinha à Fundação José Saramago na promoção deste projeto. Sabe mais sobre as linhas geográficas deste percurso, aqui.