Os filmes portugueses Armour, de Sandro Aguilar, e A Metamorfose dos Pássaros, de Catarina Vasconcelos, estarão em competição no RIDM – Festival Internacional de Documentário de Montreal, que decorre no Canadá, a partir de 12 de novembro.

Segundo informação disponível no site oficial do festival, Armour está integrado na competição e curtas e médias metragens e, A Metamorfose dos Pássaros, a de longas-metragens.

A 23.ª edição do RIDM decorre entre 12 de novembro e 02 de dezembro, sobretudo online.

O filme de Sandro Aguilar, uma coprodução entre a portuguesa O Som e a Fúria e a canadiana Paraloeiol, segundo a Agência da Curta Metragem, “foi rodado numa residência artística no Canadá, e procura explorar a potência da paisagem e da forma como ela nos fala do mundo através da jornada alcoolizada de Hector, um homem no limiar do descontrole”.

Armour, que teve estreia mundial no Festival de Roterdão, nos Países Baixos, em janeiro, valeu a Sandro Aguilar o prémio de Melhor Realização no festival Curtas Vila do Conde.

A Metamorfose dos Pássaros, primeira longa-metragem de Catarina Vasconcelos, é um filme entre a ficção e o documentário, de experimentação visual e inspirado na história e memórias de família da realizadora.

O filme teve estreia em fevereiro deste ano no festival de cinema de Berlim, onde conquistou o prémio da crítica internacional, e já passou por mais de 40 outros festivais, somando uma dezena de prémios.

Entre eles contam-se o Prémio de Melhor Filme no Festival de Vilnius, na Lituânia, o Prémio Especial do Júri no Festival de Taipei, em Taiwan, e o Prémio do Melhor Filme no Festival Dokufest, no Kosovo.

A Metamorfose dos Pássaros tem ainda estreia comercial garantida em território chinês, na Lituânia e chega aos cinemas portugueses em janeiro.

Texto de Lusa
Still do filme Armour, de Sandro Aguilar

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.