fbpx
Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

Greve dos Jornalistas: Jornalistas, jornalistas, direitos à parte?

A primeira Greve Geral de Jornalistas em mais de 40 anos foi aprovada por unanimidade no 5.º Congresso dos Jornalistas. 14 de março foi o dia escolhido. Os baixos salários, o difícil acesso à profissão e a pressão para o imediatismo empurraram os jornalistas portugueses para as ruas das grandes cidades. A paralisação, com números acima do expectável, foi sentida por todo o país no dia em que os jornais não saíram nas bancas, e as rádios e televisões não emitiram regularmente.

Texto de Margarida Alves

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

Os testemunhos de jovens jornalistas, recolhidos pelo Gerador, permitem compreender as motivações e os potenciais impactos da greve. Ana Patrícia Silva, Ruben Martins e Rúben Matos esboçam um retrato de uma classe mal paga e com níveis elevados de esgotamento. Já Luís Filipe Simões, presidente do Sindicato de Jornalistas, sublinha que a precariedade condiciona os jornalistas no exercício do seu trabalho.

Se este artigo te interessou vale a pena espreitares estes também

24 Maio 2024

Pop Up Quiz. O que sabes sobre Biologia?

23 Maio 2024

Tiago Fortuna (Access Lab): “Há muito entusiasmo, mas depois não se concretiza”

22 Maio 2024

Sara Cerdas: “Não podemos apenas viver de políticas feitas a pensar no ciclo político”

20 Maio 2024

Mescla com Allis

16 Maio 2024

Alex Cortez: “As atividades culturais têm de dar lucro, esse lucro nem sempre é medido por dinheiro”

15 Maio 2024

Dar uma volta com Eduardo Breda

13 Maio 2024

Mescla com E.se

10 Maio 2024

Pop Up Quiz. O que sabes sobre a Europa

9 Maio 2024

Sampaio da Nóvoa: “Marcelo degradou seriamente a instituição Presidência da República”

6 Maio 2024

Mescla com Renato Chantre

Academia: cursos originais com especialistas de referência

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Pensamento Crítico [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação à Língua Gestual Portuguesa [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Produção de Eventos Culturais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Soluções Criativas para Gestão de Organizações e Projetos [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Fundos Europeus para as Artes e Cultura I – da Ideia ao Projeto

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Práticas de Escrita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação ao vídeo – filma, corta e edita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Introdução à Produção Musical para Audiovisuais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Comunicação Cultural [online e presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Jornalismo e Crítica Musical [online ou presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Narrativas animadas – iniciação à animação de personagens [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Viver, trabalhar e investir no interior [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Comunicação Digital: da estratégia à execução [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

O Parlamento Europeu: funções, composição e desafios [online]

Duração: 15h

Formato: Online

Investigações: conhece as nossas principais reportagens, feitas de jornalismo lento

22 ABRIL 2024

A Madrinha: a correspondente que “marchou” na retaguarda da guerra

Ao longo de 15 anos, a troca de cartas integrava uma estratégia muito clara: legitimar a guerra. Mais conhecidas por madrinhas, alimentaram um programa oficioso, que partiu de um conceito apropriado pelo Estado Novo: mulheres a integrar o esforço nacional ao se corresponderem com militares na frente de combate.

1 ABRIL 2024

Abuso de poder no ensino superior em Portugal

As práticas de assédio moral e sexual são uma realidade conhecida dos estudantes, investigadores, docentes e quadros técnicos do ensino superior. Nos próximos meses lançamos a investigação Abuso de Poder no Ensino Superior, um trabalho jornalístico onde procuramos compreender as múltiplas dimensões de um problema estrutural.

A tua lista de compras0
O teu carrinho está vazio.
0