Na próxima quinta-feira, dia 28 de janeiro, às 15h, o realizador de cinema Andrés Jurado e a artista plástica Susana Rocha vão conversar, no Instagram de Supersonic, sobre o processo artístico em Instragram Takeover.

Tomar de assalto uma conta de Instagram é o tema central desta conversa. Os dois artistas vão estar juntos, no Instagram de Supersonic, numa conversa-conspiração em que ambos serão desafiados a revelar como tomar um espaço virtual que não lhes pertence e como relacionar-se com o olhar direto do público, que acontece no imediato, ainda durante o processo de criação da obra ou da sua pesquisa.

Andrés Jurado ocupou o espaço de Instagram de Supersonic, durante a sua residência artística em Instragram Takeover. Foi lá que o realizador de cinema nos revelou a figura do cortador-de-cabeças que aterroriza os pescadores da região do trapézio da Amazónia. Em residência artística, produziu três micro-documentários, de 58 segundos.

Em fevereiro, de 1 a 15, é a vez de Susana Rocha ocupar esta conta de Instagram. A artista plástica também revelará um segredo: o de fracasso. Através do seu projeto de residência artística “Failing Artist”, diz A artista que procurará mostrar "os obstáculos e os reversos" da sua prática, "que inevitavelmente se entrecruza com as constantes solicitações pragmáticas da vida diária de alguém que não subsiste apenas da sua produção artística. Conflitos internos, ansiedades, erros, lapsos, faltas, falhas, perturbações… serão o universo de trabalho da residência.”

Esta conversa servirá ainda de passagem de testemunho entre artistas – o que ocupou dá lugar ao que irá ocupar. E é através da conversa que acontece a partilha do saber da experiência anterior, das inquietações e ansiedades do que é novo, do questionamento e o entusiasmo, promovendo a dinâmica de entreajuda, generosidade e de fortalecimento da comunidade artística. Podes acompanhar tudo em @supersonic_project.

Lançada pelo projeto Supersonic – uma nova plataforma digital para as artes, promovida pelo atelier Concorde e financiada pelo FES – Fundo Social de Emergência da Câmara Municipal de Lisboa –, Instragram Takeover é uma residência artística online que tem como objetivo ser um espaço aberto à pesquisa e experimentação, destinado a artistas que desejem desenvolver sua prática online. Durante o tempo de residência artística, pretende-se que o artista use o Instagram como ferramenta artística, como espaço legítimo à mostra de obras e como plataforma de discussão de questões sociais e culturais.

Os projetos “Super AmaZonic” de Andrés Jurado e “Failing Artist” de Susana Rocha foram a selecionados através de uma convocatória a nível nacional e internacional para a apresentação de candidaturas, que decorreu de 18 de outubro a 18 de novembro do ano passado e à qual concorreram mais de 50 artistas, de 12 países. A seleção dos artistas foi feita por um júri composto por Eunice Gonçalves Duarte, Inês Teles e Nina Fraser, da equipa executiva do projecto, e Irit Batsry, como membro do júri convidado.

Texto por Flávia Brito

Se queres ler mais reportagens sobre a cultura em Portugal, clica aqui.