O espetáculo, coproduzido pelo Teatro Nacional D. Maria II, conta com uma equipa francesa e portuguesa e será protagonizado pela atriz Isabelle Huppert, a quem se junta um elenco composto por outros 11 atores e 2 músicos. A estreia está marcada para 5 de julho, no Festival d’Avignon.

A 75ª edição do prestigiado Festival d’Avignon, conta com o espetáculo de Tiago Rodrigues, protagonizado pela atriz francesa Isabelle Huppert e com os artistas portugueses Isabel Abreu, Hélder Gonçalves e Manuela Azevedo no elenco. Apresentado na Cour d’Honneur do Palais des Papes, um dos históricos e mais importantes espaços do Festival a sua apresentação não fica por aqui.

O Cerejal será também exibido na Sala Garrett do Teatro Nacional D. Maria II, em dezembro deste ano, integrado na Temporada 2021-2022 do Teatro. A estreia em Lisboa marcará o arranque de uma digressão europeia, que se prolongará para 2022.

O Cerejal é uma produção do Festival d’Avignon, em coprodução com o Teatro Nacional D. Maria II, Odéon-Théâtre de l’Europe, Théâtre National Populaire de Villeurbanne, Comédie de Genève, La Coursive, scène nationale de la Rochelle, Wiener Festwochen, Comédie de Clermont Ferrand, Théâtre de Liège, National Taichung Theater, Teatro di Napoli – Teatro Nazionale e Fondazione Campania Dei Festival – Compania Teatro Festival.

Local: Festival d’Avignon, Cour d’Honneur do Palais des Papes.

Horário: 5 a 17 de julho;

Preço: a anunciar.

Fotografia de Beatriz Rodrigues