Ao longo de cinco meses, de setembro deste ano a janeiro de 2021, está a decorrer mais uma edição do Cogito, um programa de divulgação do conhecimento de futuro, promovido pela Câmara Municipal de Oeiras e que podes acompanhar na íntegra nas redes sociais do evento. 

A iniciativa alia várias abordagens, repartidas por projetos dedicados à reflexão e diálogo sobre ideias transformadoras e disruptivas, agrupados em diferentes áreas.

Uma dessas áreas é dedicada a “Conversas Criativas”, que decorrem até 27 de janeiro do próximo ano. Serão no total 18 conversas em modo de entrevista ou palestra semanal e em interação com o público/audiência, seguidas de processo criativo em cocriação ao vivo (o orador identifica problemas e o público pode contribuir com ideias para os solucionar).

A programação inclui ainda os “Diálogos Cogito”, com conversas sobre ideias que transformam, temas fora da caixa, atuais e atrativos para o público jovem, e um ciclo de masterclasses, que contam com a participação de um conjunto de personalidades ligadas à ciência e à cultura.

As masterclasses conta com a participação de personalidades ligadas ao mundo da ciência como Maria Carmo Fonseca, Ana Paiva ou Mónica Bettencourt Dias, à informação como os jornalistas Pedro Santos Guerreiro e Vitor Belanciano, à cultura como Tiago Sigorelho (presidente do Gerador) ou o escritor Rui Zink ou à saúde mental como o psiquiatra Daniel Sampaio. 

As masterclasses estão marcadas sempre às quintas-feiras, às 21h30, ao vivo no Palácio Flor da Murta, em Paço de Arcos, para uma plateia muito reduzida e ficam disponíveis para reveres depois no canal do YouTube.

Texto de Ricardo Ramos Gonçalves
Cartaz de Cogito

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.
Festival_Cogito_ideias_que_trasformam