Rui Horta é um dos coreógrafos mais influentes da sua geração. O seu trabalho foi apresentado nos mais importantes teatros e festivais de todo o mundo, como o Theatre de la Ville em Paris, o Joyce Theatre em Nova York ou o Spyral Hall em Tóquio.

Criou para inúmeras companhias de dança, tais como o Netherlands Dance Theatre, o Cullberg Ballet, o Grand Ballet da Ópera de Genebra, etc.

Vive em Montemor-o-Novo, desde 2000, onde estabeleceu um centro multidisciplinar de residências artísticas, O Espaço do Tempo.