fbpx

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

Samuel Gapp vence 3.ª edição do Prémio de Composição Bernardo Sassetti

O pianista e compositor alemão Samuel Gapp venceu a 3.ª edição do Prémio de Composição…

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

O pianista e compositor alemão Samuel Gapp venceu a 3.ª edição do Prémio de Composição Bernardo Sassetti, criado em homenagem ao pianista Bernardo Sassetti, que morreu em 2012, anunciou no dia 1 de agosto, a direção da Casa Bernardo Sassetti.

O anúncio do vencedor foi feito hoje à tarde na página oficial da Casa Bernardo Sassetti na rede social Facebook. Na mesma publicação, é referido que, “devido à qualidade elevada das candidaturas, recebidas o júri decidiu atribuir ainda duas menções honrosas: à obra ‘Inscrição’ da compositora Sara Ross e à obra ‘Uma Revoada num Sonho’ do compositor Francisco Silva”.

O vencedor e as menções honrosas foram escolhidos por um júri composto pelos pianistas Mário Laginha e Carlos Azevedo, pelo saxofonista Pedro Moreira e pelo compositor Luís Tinoco.

Samuel Gapp irá receber 1.500 euros e “verá as suas obras apresentadas para concurso gravadas num CD editado pela Casa Bernardo Sassetti”.

Além disso, o vencedor “contará ainda com a apresentação pública das obras premiadas num concerto de lançamento do CD, a ser incluído na temporada 2019/2020 do Teatro Municipal São Luiz [em Lisboa]”.

O Prémio de Composição Bernardo Sassetti foi criado em 2015 para incentivar a criação musical de jovens músicos na área do jazz e para homenagear aquele autor, que morreu em 2012, aos 41 anos.

Originalmente criado numa parceria entre a Casa Bernardo Sassetti e a Associação Sons da Lusofonia, o prémio surge este ano “num novo formato”.

O prémio, de acordo com informação disponível no ‘site’ da Casa Bernardo Sassetti, “passa a ser bienal” e dirige-se “a quaisquer compositores de nacionalidade portuguesa, compositores inscritos em Escolas Superiores de Música em Portugal e ainda compositores residentes/contribuintes em Portugal há pelo menos três anos, nascidos a partir de 01 de janeiro de 1984”.

Na primeira edição, em 2016, o vencedor foi o pianista Vasco Miranda, e na segunda edição, em 2017, o baterista Pedro Melo Alves.

Texto de Lusa
Fotografia de Lorenzo Spoleti disponível via Unsplash

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.

Se este artigo te interessou vale a pena espreitares estes também

23 Julho 2024

Tranças de resistência

22 Julho 2024

Mescla com Marta Lima

22 Julho 2024

Incertezas e ambiguidades: a nuvem cinzenta dos crimes de incitamento ao ódio

22 Julho 2024

A nuvem cinzenta dos crimes de ódio

21 Julho 2024

Descobre as reportagens vencedoras da Bolsa Gerador Ciência Viva para Jovens Jornalistas

19 Julho 2024

Tempos Livres. Iniciativas culturais pelo país que vale a pena espreitar

18 Julho 2024

Pop Up Quiz. O que sabes sobre Geografia?

18 Julho 2024

Carta do Leitor: Admitir que não existem minorias a partir de um lugar de (semi)privilégio é uma veleidade e uma hipocrisia

17 Julho 2024

42: Caixas e cartas

17 Julho 2024

Mais de 1800 pessoas e entidades defendem “liberdade de escrever, de publicar e de ler”

Academia: cursos originais com especialistas de referência

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Fundos Europeus para as Artes e Cultura II – Redação de candidaturas [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação ao vídeo – filma, corta e edita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Criação e manutenção de Associações Culturais (online)

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Produção de Eventos Culturais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Soluções Criativas para Gestão de Organizações e Projetos [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Introdução à Produção Musical para Audiovisuais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Jornalismo e Crítica Musical [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Comunicação Cultural [online e presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Narrativas animadas – iniciação à animação de personagens [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Viver, trabalhar e investir no interior [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Financiamento de Estruturas e Projetos Culturais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Escrita para intérpretes e criadores [online]

Duração: 15h

Formato: Online

Investigações: conhece as nossas principais reportagens, feitas de jornalismo lento

22 Julho 2024

A nuvem cinzenta dos crimes de ódio

Apesar do aumento das denúncias de crimes motivados por ódio, o número de acusações mantém-se baixo. A maioria dos casos são arquivados, mas a avaliação do contexto torna-se difícil face à dispersão de informação. A realidade dos crimes está envolta numa nuvem cinzenta. Nesta série escrutinamos o que está em causa no enquadramento jurídico dos crimes de ódio e quais os contextos que ajudam a explicar o aumento das queixas.

5 JUNHO 2024

Parlamento Europeu: extrema-direita cresce e os moderados estão a deixar-se contagiar

A extrema-direita está a crescer na Europa, e a sua influência já se faz sentir nas instituições democráticas. As previsões são unânimes: a representação destes partidos no Parlamento Europeu deve aumentar após as eleições de junho. Apesar de este não ser o órgão com maior peso na execução das políticas comunitárias, a alteração de forças poderá ter implicações na agenda, nomeadamente pela influência que a extrema-direita já exerce sobre a direita moderada.

A tua lista de compras0
O teu carrinho está vazio.
0