O que associamos quando ouvimos a palavra "travessia"? Se associaste a um longo caminho, uma jornada extensa, com obstáculos, pela terra ou pelo mar, chegaste muito perto do significado do dicionário. Mas queremos que penses além da geografia.

Travessia é tudo que nos divide entre antes e depois. São os caminhos que nos transformam, moldam, expandem. O livro “Travessia”, da autoria de Julia Santalucia e Priscilla Ballarin, ilustra de maneira lúdica essa viagem para que as pessoas se identifiquem a partir das suas próprias histórias.

Julia Santalucia escreve de uma forma peculiar, sem complemento e com a infinitude que o escrever carrega. Trabalha em projetos de comunicação para pessoas e marcas, enquanto produz suas narrativas autorais. Procura, em tudo que se envolve, tornar legível o sentir.

Pri Ballarin é uma apaixonada por linhas, desenho, papel, letras e bons encontros. Trabalha com design gráfico, ilustração, bordado em papel e publicações independentes. E vive entre Lisboa e São Paulo, onde constrói imagens de mundos tão diferentes.

No dia 5 de novembro, às 19h30, na Central Gerador, no Lumiar, em Lisboa, vamos ouvir as travessias de vários poetas e de quem estiver por cá. Gabriela Abreu, Giulia Frascino e Cheila Colaço, ao lado de Julia Santalucia e Priscilla Ballarin, estarão no palco.

Vamos também relembrar os capítulos mais importantes do processo do livro e ler a história completa. E haverá ainda livros à venda por um preço especial. 

Qual é a tua travessia? Fica o convite para respondermos juntos/as. A entrada é gratuita.