Pelo sexto ano consecutivo, o teatromosca organiza o festival de artes performativas MUSCARIUM#6, em Sintra.

Entre os dias 17 e 27 de setembro, a programação do festival será maioritariamente nacional contando com a atuação inaugural do  Quorum Ballet, “Impulso”, o concerto de Surma no palácio de Queluz e ainda com as companhias de teatro: Trincheira Teatro, Visões Úteis, Teatro do Silêncio, Companhia Mascarenhas Martins, Musgo – Produção Cultural e o próprio teatromosca em coprodução com o Centro Dramático Rural.

A assinalar a abertura da nova temporada do AMAS – Auditório Municipal António Silva, a programação do festival em Sintra foi pensada para miúdos e graúdos. Na primeira semana o Teatro Efémero apresenta “Lie Lie Land”, a Companhia Mascarenhas Martins apresenta ainda o espetáculo “Há dois anos que não como pargo”. Já a pensar nos mais pequenos, o Trincheira Teatro sobe a palco com “O último Marco do correio”. Na segunda semana do Festival, a Musgo – Produção Cultural apresenta o filme “Ortov: Sai do Escuro”e a semana continua com a apresentação de quatro peças de teatro: “Little B”, “Estúdio: Flores”, “Mulheres em Terra Homens no Mar” e “Macaco do rabo cortado”.

“Este ano, tendo em conta as contingências sociais e sanitárias, consideramos ainda mais urgente enaltecermos as principais caraterísticas do festival que se pretende orgânico e vivo, promovendo um acesso cada vez mais democratizado à cultura, através da programação de um conjunto de espetáculos multidisciplinares que serão apresentados em diferentes espaços do concelho de Sintra”, afirma em comunicado a organização. Assim, servirão de palco ao festival o ​AMAS – Auditório Municipal António Silva, a Casa de Teatro de Sintra, a Casa da Cultura Lívio de Morais, a Casa da Juventude da Tapada das Mercês, o Teatroesfera e o Palácio de Queluz.

Os preços dos bilhetes para os diferentes espetáculos do MUSCARIUM#6 varia entre os 5€ e os 12€. A organização disponibiliza ainda um passe por 50€ que dá acesso a todas as sessões. Os bilhetes vão estar disponíveis na Ticketline, Seetickets e na bilheteira do AMAS- Auditório Municipal António Silva, no Shopping Cacém. 

Texto de Bárbara Dixe Ramos
Ilustração via teatromosca

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.