Até ao final do mês de julho, a iniciativa "Blind Book Date", promovida pelo Teatro Viriato, quer partilhar com o público um encontro às cegas com a literatura. Os artistas, que integram a programação, são responsáveis pela escolha dos livros que chegam a todos os participantes do projeto, através da parceria com a Livraria Leya/Pretexto e Poesia Incompleta.

O projeto "Blind Book Date" conta com a curadoria de Susana Cardoso, que reúne como artistas convidados Pedro Sousa Loureiro, Tiago Lima, Tânia Carvalho, Patrícia Portela e o Dr. Changuito, responsáveis pela seleção de livros dos próximos três meses. Da poesia, ao ensaio, e mesmo passando pelo romance, muitos são os géneros literários selecionados pelos artistas, mantendo em segredo quais os autores e obras da iniciativa.

O "Blind Book Date" integra a programação dos próximos três meses do Teatro Viriato

A propósito dos objetivos que incentivaram a continuação o projeto, Susana Cardoso refere que “é uma forma de colocar o público em diálogo paralelo com os artistas da programação" e, simultaneamente, fomentar a leitura e a abertura de horizontes.

Os participantes interessados em juntar-se ao projeto, terão acesso a um enigma com pistas sobre a obra literária escolhida, que podem consultar através do site do Teatro Viriato. Após conhecer as propostas do "Blind Book Date", os interessados devem contactar a bilheteira do Teatro Viriato, que fará a ligação do futuro leitor com as livrarias.

O encontro às cegas implica uma adesão prévia, através do email bilheteira@teatroviriato.com, ou através do contacto telefónico 232 480 110.

Texto de Ana Mendes
Fotografia de Liliana Rodrigues

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.