O FIAR continua a programação amanhã, dia 26 de julho, com mais espetáculos, performances e intervenções artísticas. Este será o segundo e último dia do evento organizado pelo Centro de Artes de Rua de Palmela.

O dia começa com a apresentação do espetáculo itinerante de Diogo Duro, que à passagem vai animando as ruas do Centro histórico de Palmela. “Nesta rua que é sua” só a improvisação, a magia, o circo e a música têm espaço. A performance promete dar a conhecer ao público “os recantos e encantos das terras e locais por onde viaja no seu monociclo”.

A programação retoma da parte da tarde, pelas 17 horas, com a perfomance “Elo e Novelo”, dançada e interpretada por Leonor Keil, na Capela de Santiago. A dar música ao espetáculo estarão Daniele Pistone, Marian Yanchyk e Mattia Corda.

A música continua logo de seguida, pelas 18h30, com o concerto de Pedro Cunha – Huesos del Niño. O músico apresenta o seu projeto a solo, com influências do flamenco. A experiência será acompanhada pela vídeo-arte de Samir Noorali, uma filmagem noturna do músico na Serra da Arrábida, apenas orientado por luzes pontuais.

Às 20h30 volta a haver FOmE de Parede, com a repetição da instalação da revista FOmE nas paredes de alguns edifícios de Palmela. Uma hora e meia depois, o FIAR encerra a edição deste ano no Salão Nobre da Biblioteca Municipal de Palmela com a performance/dança “Penélope”. Esta é uma coprodução FIAR , com o apoio da Fundação GDA e ORG.I.A

A entrada é gratuita em todos os espetáculos, mas necessita de uma marcação prévia até 30 minutos antes do início de cada espetáculo, que deverá ser feita para o número 926003000 ou para o endereço de e-mail fiarcultura@gmail.com

Texto de Bárbara Dixe Ramos
Na fotografia Pedro Cunha – Huesos del Niño, cedida pelo FIAR
O FIAR e o Gerador são parceiros

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.