O espaço Armazém 22, em Vila Nova de Gaia, recebe de 24 a 29 de agosto, a 1.ª edição do Danse Qui Danse Summer Lab, um estágio de dança intensivo, com candidaturas abertas até ao próximo dia 6 de julho.

Promovido pela Kale Companhia de Dança, o curso promove uma forte componente de formação para bailarinos profissionais, cumprindo a sua estratégia de cooperação internacional com a rede “Danse qui Danse” , composta por um vasto grupo de parceiros internacionais.

Ao longo de seis dias, este estágio oferece aos seus participantes uma experiência de imersão no dia-a-dia de uma companhia de dança profissional e permite a descoberta dos métodos de trabalho de um coreógrafo e a sua identidade artística.

A edição de 2020 será apadrinhada pelo coreógrafo Thierry Malandain, diretor artístico do Centro Coreográfico Nacional Malandain Ballet Biarritz (MBB), com mais de 80 obras apresentadas mundialmente. Fundado em 1998, o MBB é um dos 19 centros coreográficos franceses, a nível nacional, e dos poucos dedicados à dança neoclássica, contribuindo também para a difusão da dança contemporânea, particularmente com o projeto Regards Croisés Biarritz/San Sebastian.

A última noite do Danse Qui Danse Summer Lab será dedicada a uma apresentação pública do trabalho realizado durante a semana pelos participantes sobre o repertório do coreógrafo convidado, bem como sobre o trabalho de pesquisa desenvolvido, dentro da linguagem e processos de criação próprios, com o coreógrafo emergente Martin Harriague, 1.º jovem coreógrafo associado MBB, dedicado à dança contemporânea.

A tarde será dedicada a um encontro com os coreógrafos, aberto ao público, em que o mote será a partilha da sua experiência e percursos profissionais, os seus métodos detrabalho e a identidade artística do seu trabalho de criação.

Texto de Ricardo Ramos Gonçalves
Fotografia de Olivier Houeix

Se queres ler mais notícias sobre a cultura em Portugal, clica aqui.