Só. Desanimado. Incompreendido. Assim se encontra um rapaz, que se vê perante a impossibilidade de se mover após um acidente. Com texto original de Tiago Correia, o espetáculo “Alma” sobe amanhã ao palco, estando em exibição até sábado, no Theatro Circo, em Braga, às 21h30, para uma récita única. A peça de teatro propõe uma reflexão sobre a perda, o luto, a solidão, a importância, o papel da família, a violência do primeiro amor, as grandes amizades e a transmissão de valores entre gerações.

Marcado por um elenco mais jovem, composto por Bernardo Gavina, Inês Filipe, Rafael Ferreira e Telma Cardoso, a peça resulta de uma coprodução com o Teatro Nacional São João e Teatro Virgínia. O espetáculo é para maiores de 14 anos e o preço dos bilhetes é de 5 euros. Em outubro, a peça vai ainda apresentar-se no Teatro Virgínia, em Torres Novas, a 17 de outubro. Posteriormente, “Alma” avançará para uma digressão nacional, passando por Viana do Castelo (Teatro Sá de Miranda, 14 de novembro), Ponte de Lima (Teatro Diogo Bernardes, 20 de novembro), Porto (Teatro Carlos Alberto, 26 a 29 de novembro) e Caldas da Rainha (Teatro da Rainha, 21 e 22 de maio).

Texto de Isabel Marques
Fotografia da cortesia da organização