A 10 de julho, Eunice Muñoz apresenta A Margem do Tempo, no Centro de Artes de Águeda, um espetáculo de final de carreira, aos 80 anos de palco e 92 de vida. A cena é dividida com Lídia Muñoz, sua neta.

Ao longo de sessenta minutos, assistimos a este fechar de carreira num texto que se revela uma longa didascália, sem diálogo e sem monólogo, onde Senhora Rasch, personagem partilhada pelas duas atrizes em cena, nos convida a assistir ao seu fim de tarde num dos seus dias repetidos igual a todos os anteriores.

Com texto de Franz Xaver Kroetz, o espetáculo é encenado por Sérgio Moura Afonso, contando ainda com música orquestral de Nuno Feist.

Local: Auditório do Centro de Artes de Águeda (CAA)
Horário: 21h
Preço: 10 euros