Em 2021 o Partido Comunista Português (PCP) celebra o seu centenário. A data será assinalada com a “Exposição 100 Anos, 100 artistas”, na Gare Marítima de Alcântara, de 11 a 30 de abril, com um horário diário das 15h00 às 20h00. A inauguração ocorrerá, já, este domingo, 11 de abril, com a presença, de Jerónimo de Sousa, Secretário-Geral do PCP.

Sem quaisquer fronteiras nem limitações estéticas e tendo em comum os valores do progresso, da liberdade e da democracia, estarão em exposição técnicas tradicionais como: o bordado, a cerâmica, a colagem, o desenho, a escultura, a fotografia, entre outros. De entre os 100 nomes, dos artistas, marcarão presença Adriana Molder, Catarina Leitão e Gonçalo Pena.

Uma exposição de artes visuais organizada por António Guerreiro, José Luís Porfírio, Manuel Augusto Araújo, Manuel San-Payo, Tânia Cortez, Teresa Carvalho que se assume como uma homenagem a todos os artistas que durante o fascismo a ele se opuseram e que, desde a conquista da liberdade e da democracia, na sua defesa e valorização se empenharam.

Local: Gare Marítima de Alcântara, em Lisboa;
Horário: 15h00 às 20h00;
Preço: Não disponível.
Fotografia disponível via Pexels