Estreou-se no dia 11 de julho mas mantém-se em cena até ao dia 21 no Teatro Carlos Alberto, no Porto. Bonecas parte de um conto inédito de Afonso Cruz e do universo de Paula Rego e apresenta-se como “um grito de alerta para as várias formas de violência”.

A peça dirigida por Ana Luena e José Miguel Soares junta às referências de Afonso Cruz e Paula Rego as experiências partilhadas com um grupo de raparigas de um centro de acolhimento temporário, e ainda com mulheres vítimas de violência doméstica acolhidas numa casa abrigo. Mariana Magalhães, Matilde Magalhães, Nádia Yracema, Susana Sá compõem o elenco em palco.

“É por territórios femininos e cruéis que se assiste a uma inversão de papéis, em que as vítimas são prisioneiras na sua própria condição de vítima e onde as intérpretes de Bonecas representam relações dicotómicas em que se confunde submisso e dominador, onde a força e a vulnerabilidade são apresentadas à semelhança de um tableau vivant”, refere Ana Luena, citada no comunicado de imprensa.

Bonecas é uma coprodução da Malvada Associação Artística, do São Luiz Teatro Municipal, da Câmara Municipal de Évora e do Teatro Nacional de São João. Os bilhetes podem ser comprados na sala de espetáculos e na bilheteira online

Local: Teatro Carlos Alberto, no Porto

Data e hora: Até 21 de julho | quarta e sábado às 19h00, quinta e sexta às 21h00, domingo às 16h00 

Preço: 10€

Fotografia de ©Susana Neves

Se queres saber mais sobre a agenda da cultura em Portugal, clica aqui.