Este sábado, dia 31 de agosto, a exposição “Do lugar onde estou já fui embora”, patente na Galeria Liminare, em Lisboa, despede-se com uma mesa redonda onde estarão presentes os artistas expostos Luísa Cunha, Pedro Barateiro, Pedro Gomes, João Fonte Santa, Miguel Tavares e Horácio Frutuoso.

Além destes, a exposição coletiva contou ainda com obras de André Romão e  Hugo Canoilas. Subordinada ao tema da privacidade – seja ela existencial ou pública e por inerência política – com esta exposição pretendia-se, de acordo com Francisco Correia, um dos curadores, “pensar sobre lugar do indivíduo e da sua identidade no mundo atual”, tendo em conta a “massificação de comportamentos”, que vão desde do “consumismo à banalização de um vocabulário economicista”.

A exposição “Do lugar onde estou já fui embora” é o resultado do projeto de final de curso da pós-graduação em Curadoria de Arte da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, relativa ao ano letivo de 2018/2019. Após um primeiro semestre com uma componente essencialmente teórica, os alunos são desafiados no segundo semestre a pensar e conceber uma exposição, pondo em prática os conhecimentos que adquiriram até então.

Local: Galeria Liminare, Lisboa

Data e hora: 31 de agosto, às 16h

Preço: Entrada livre

Fotografia de Carolina Franco

Se queres ler mais sobre a agenda da cultura em Portugal, clica aqui.