Hoje, 5 de fevereiro, damos início a uma caminhada que se espera longa e inspiradora com o Sobressaltoo projeto do Gerador e da Associação ZERO que junta a comunidade cultural e o ambiente, assumindo o papel crítico da cultura na sensibilização ambiental.

Este é um projeto de longo prazo, que irá integrar cada vez mais parceiros, e que se propõe a afirmar o papel do setor cultural nas questões de sustentabilidade através de duas dimensões: primeiro, partilhando um conjunto de ferramentas e recursos que apoiem os agentes culturais numa transição ambiental; e segundo, através de um conjunto de campanhas regulares que juntem os protagonistas da cultura para sensibilização da população portuguesa. 

Podes agora consultar uma nova área no nosso site onde iremos, progressivamente, disponibilizar gratuitamente ferramentas, reflexões e recomendações de consulta para a criação artística sustentável, com o objetivo de apoiar a comunidade cultural para uma transição verde, tanto ao nível individual como das entidades culturais. Por lá encontras já disponível um primeiro manual, pronto a ser descarregado, com propostas de boas práticas ambientais para artistas e autores.

Adicionalmente, nesta fase inicial, começámos por implementar já um conjunto de outras ideias que também endereçam a comunidade cultural, os nossos leitores e seguidores.

São pequenos passos como o compromisso de que o ambiente e a sustentabilidade passam a ser uma dimensão crítica da estratégia editorial do Gerador, mesmo quando não relacionada com cultura; lançámos e iremos continuar a apresentar durante todo o ano cursos e workshops dedicados ao tema na Academia Gerador, bem como dedicar uma boa parte do nosso tempo de investigação cultural a esta área; alargámos as vantagens do Cartão Sócio Gerador a parceiros com as preocupações ambientais certas; estamos a rever os processos à volta da criação, produção e distribuição da Revista Gerador, com a edição 33, à venda, já a ser publicada em papel reciclado. Podes descobrir mais aqui.

O Sobressalto é um projeto que começa agora, mas que continuará ao longo dos próximos anos. Entre os passos seguintes, ainda em 2021, está a criação de um medidor de impacto ambiental, um gabinete técnico capaz de aconselhar de forma personalizada as entidades e espaços culturais nesta transição ambiental e uma campanha nacional de consciencialização sobre a importância da sustentabilidade e do ambiente.

A identidade gráfica do Sobressalto foi criada pelos designers Abel Quental e Sara Jorge