A atriz vai participar nas talks do dia 19 de junho, no Palco Oeiras pelas 12h00. Para este dia desafiámos um conjunto de autores de várias dimensões culturais e artísticas a partilharem os temas que os inquietam. No dia descobrirás quais são ;-)

Iniciou-se em 1985 n’A Barraca, sob a direcção de Hélder Costa. Trabalhou depois no Teatro da Casa da Comédia, ACARTE, Teatro da Malaposta, Comuna – Teatro de Pesquisa.

No Teatro da Cornucópia foi dirigida por Luís Miguel Cintra em A Comédia de Rubena, de Gil Vicente, Tito Andrónico, de Shakespeare e Um Homem é um Homem, de Bertolt Brecht; por Adriano Luz em Antes Que a Noite Venha, de Eduarda Dionísio.

Recentemente interpretou nos Artistas Unidos a peça de Antonio Tarantino, Stabat Mater, numa encenação de Silva Melo, valendo-lhe o Prémio da Crítica da Associação dos Críticos de Teatro de 2006.

De 18 a 20 de junho vamos tentar responder à pergunta Qual o futuro da cultura e da criatividade? dando voz a nomes que admiramos como Vhils, Salvador Sobral, Margarida Pinto Correia, Rui Horta, Capicua, Chef Kiko, Clara Não, André Gago, Sara Barros Leitão, Benjamim, Constança Entrudo, Matilde Campilho ou Carla Maciel, num total de mais de 40 cabeças de cartaz.

Vais poder assistir a concertos, debates, performances, apresentações, masterclasses e teres acesso a um conjunto de loucuras que revelaremos em breve, porque decidimos reinventar a forma de viveres um festival online 😊 Descobre tudo na página principal do Oeiras Ignição Gerador.

No Gerador sentimos a responsabilidade de pensar, questionar e agir sobre a cultura e a criatividade. Sabemos que somos incompletos nesta missão sem os artistas, os autores e os técnicos que nos rodeiam. Por isso, consideramos fundamental remunerar quem desafiamos. Quer seja quando fazemos eventos presenciais, quer quando mergulhamos no mundo digital. 

Compra já aqui o teu passe de 3 dias.