Sábado, dia 13 de julho, às 22h, a Praça do Município em Lisboa, recebe um concerto da Orquestra Sinfónica do Porto, assinalando o arranque da digressão das orquestras da Casa da Música.

Contribuir para a valorização desses centros históricos e fomentar o gosto pela música mais erudita, derrubando barreiras e conquistando novos públicos, são os objetivos da Orquestra no Património, que integra um total de nove concertos.

Depois desta primeira apresentação, que conta com o apoio institucional da Câmara Municipal de Lisboa, a digressão prossegue, entre os dias 5 e 11 de Setembro, por Évora, Porto, Mafra, Faro, Braga, Castelo e Viana do Castelo.

Todos os concertos da Orquestra no Património, são uma coprodução Casa Música, Fundação “la Caixa” e BPI, com apoio das diferentes autarquias, realizam-se ao ar livre e são de acesso gratuito.

Neste concerto inaugural, a Orquestra Sinfónica leva-nos numa viagem por obras musicais escritas em vários pontos do globo: da Rússia de Chostakovitch à França de Dukas, da Inglaterra de Elgar ao México de Márquez, passando, também, pela América do Norte, em visita a famosas bandas sonoras e aos temas das bandas militares. A música portuguesa é celebrada com o icónico Fandango de Luís de Freitas Branco.

A direção deste programa estará ao encargo de Baldur Brönnimann, maestro titular da Orquestra Sinfónica Casa da Música, que assumiu o cargo da mesma em janeiro de 2015, no seguimento de um bem sucedido trabalho desenvolvido com a orquestra.

Local: Praça do Município, Lisboa

Data e hora: 13 de julho às 22h

Preço: entrada livre

Fotografia de Andrey Kopnstantinov disponível via Unsplash

Se queres ler mais sobre a agenda da cultura em Portugal, clica aqui.