Esta semana olhamos para as diversas formas através das quais os portugueses escolhem informar-se sobre os eventos culturais em que participam. No Barómetro Gerador Qmetrics de 2021, concluímos que o meio mais popular são as redes sociais, especialmente entre as gerações mais novas, com cerca de 80% dos jovens entre os 15 e os 24 anos a selecionarem esta opção. Mesmo na faixa etária mais velha, a partir dos 55 anos, cerca de metade dos portugueses afirma recorrer a estes meios. Para este segmento da população, o primeiro lugar vai para as indicações de familiares ou amigos, que reuniram cerca de 70% das respostas. Esta é a terceira opção mais escolhida pelas outras faixas etárias, provando que, de facto, o passa-a-palavra continua a ser um aspeto importante para a comunicação.

A publicidade e informação que passam na televisão e na rádio ou que estão colocadas nas ruas são também relevantes nesta lista, especialmente para as faixas etárias mais velhas, que, no entanto, também afirmam recorrer frequentemente à Internet e, como já vimos, também às redes sociais.

Quinzenalmente mergulhamos no Barómetro Gerador Qmetrics para te trazermos novas análises sobre a relação dos portugueses com a cultura. Fica atento aos próximos artigos!

O Barómetro Gerador Qmetrics é um estudo anual que analisa a opinião dos portugueses sobre a cultura. Realizado pela primeira vez em 2019, o âmbito do questionário deste ano incidiu, principalmente, nas consequências da pandemia na sociedade e na cultura. Sabe mais sobre o relatório de 2021 aqui e pede o teu relatório completo aqui.

Síntese Ficha Técnica

O universo do estudo é constituído por indivíduos com idade igual ou superior a 15 anos, residentes em Portugal Continental e Ilhas. A Amostra, com 1.200 entrevistas validadas, foi estratificada por região, sexo e escalão etário, em Portugal Continental, e por Ilhas, e distribuída em cada estrato de acordo com a repartição da população alvo em cada estrato. As entrevistas foram realizadas de 22 de março a 27 de abril de 2021, através de um questionário aplicado online utilizando o método CAWI (Computer Assisted Web Interview). Os resultados são apresentados com um nível de confiança de 95%. A margem de erro para a média na escala 1 a 10 é de 0,13 pontos e a margem de erro para a proporção é de 2,12 pontos percentuais.