fbpx

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

Clube de Leitura: Mário Domingues – A Afirmação Negra e a Questão Colonial com José Luís Garcia

23 de abril às 15h No Clube de Leitura juntamo-nos para refletir à volta de…

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

23 de abril às 15h

No Clube de Leitura juntamo-nos para refletir à volta de livros em sessões online conduzidas pelos próprios autores. No dia 23 de abril encontramo-nos com José Luis Garcia para discutir o livro que coordenou, Mário Domingues - A Afirmação Negra e a Questão Colonial. 

Este será um espaço para partilhar experiências de leitura, refletir, fazer ou responder a perguntas. Não é obrigatório ter concluído a leitura do livro até esta data, mas, naturalmente, a experiência do encontro será melhor se o tiveres feito.

Foi em 1919, há mais de um século, que Mário Domingues publicou num jornal o seu primeiro texto em defesa dos negros, intitulado «Colonização». Jornalista, cronista, escritor, nascido em São Tomé e Príncipe, atento ao ativismo do movimento negro por todo o mundo, foi construindo a partir daí, e até 1928, uma precursora obra de «rebeldia negra» na imprensa em Portugal.

Este livro recupera a maioria dos textos de Mário Domingues desse período, injustamente esquecidos, onde este escreve, muito à frente do seu tempo, sobre a condição dos negros, o racismo e a colonização, denunciando de forma arrojada preconceitos e discriminações, e expondo corajosamente a violência do colonialismo e de todas as formas de subjugação.

José Luís Garcia, que reuniu estas crónicas, apresenta ainda um ensaio introdutório sobre a obra, a vida e o contexto de Mário Domingues, «um dos maiores símbolos da passagem do negro de uma condição de subalternidade na sociedade portuguesa para autor da sua vida», e um verdadeiro «precursor da afirmação negra».

José Luís Garcia

Nasceu em Lisboa em 1955, é investigador principal do Instituto de Ciências Sociais
da Universidade de Lisboa e docente da mesma universidade. O seu percurso
académico desenvolve-se sobretudo em torno da teoria social crítica, dos estudos de
comunicação, media e jornalismo e da filosofia e sociologia da ciência e da tecnologia.
Tem sido docente em várias escolas do ensino superior de Portugal, entre elas o ISCTE,
a UCP, a ESCS-IPL e a ESEC-IPC, e teve estadias como professor/investigador visitante
na USP e na UNESP do Brasil e na Universidade do Iowa dos EUA. É membro do
conselho consultivo do Observatório de Cibersegurança do Centro Nacional de
Cibersegurança e o atual diretor da Imprensa de Ciências Sociais. No presente ano,
publicou Mário Domingues: A afirmação negra e a questão colonial” - Textos, 1919-
1928 (Ed. Tinta-da-china), uma seleção de artigos antecedida de um ensaio histórico
biográfico daquele jornalista e escritor pioneiro da defesa da condição negra e crítico
do colonialismo. Outras obras recentes que dirigiu, co-editou ou publicou, incluem O
Choque Tecno-liberal, os Media e o Jornalismo, 2020; Lições de Sociologia Clássica,
2019; Media and Portuguese Empire, 2017; Salazar, o Estado Novo e os Media, 2017;
Pierre Musso and the Network Society: From Saint-Simonianism to the Internet, 2016;
Jacques Ellul and the Technological Society in 21st Century, 2013.

Se este artigo te interessou vale a pena espreitares estes também

13 Abril 2022

Da Revolução à atualidade: o que significa a liberdade de expressão?

7 Abril 2022

Descobre as fotografias da primeira conversa da Idade da Liberdade

21 Fevereiro 2022

O que está a nossa democracia a fazer para reparar os danos do colonialismo?

21 Fevereiro 2022

Democracia e digital. Qual o impacto das novas tecnologias na democracia?

21 Fevereiro 2022

Sistema eleitoral: que desafios para o interior do país?

21 Fevereiro 2022

A efemeridade da memória coletiva 

21 Fevereiro 2022

Clube de Leitura: Racismo no país dos brancos costumes com Joana Gorjão Henriques

21 Fevereiro 2022

Clube de Leitura: Homossexualidade e Resistência no Estado Novo com Raquel Afonso

21 Fevereiro 2022

Clube de Leitura: Processo de Humanização em Curso com Diogo Faro

21 Fevereiro 2022

25 de abril. Quais as consequências para os jovens hoje?

Academia: cursos originais com especialistas de referência

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Fundos Europeus para as Artes e Cultura II – Redação de candidaturas [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Produção de Eventos Culturais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação ao vídeo – filma, corta e edita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Criação e manutenção de Associações Culturais (online)

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Financiamento de Estruturas e Projetos Culturais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Comunicação Cultural [online e presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Narrativas animadas – iniciação à animação de personagens [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Jornalismo e Crítica Musical [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Introdução à Produção Musical para Audiovisuais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Viver, trabalhar e investir no interior [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Escrita para intérpretes e criadores [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Soluções Criativas para Gestão de Organizações e Projetos [online]

Duração: 15h

Formato: Online

Investigações: conhece as nossas principais reportagens, feitas de jornalismo lento

22 Julho 2024

A nuvem cinzenta dos crimes de ódio

Apesar do aumento das denúncias de crimes motivados por ódio, o número de acusações mantém-se baixo. A maioria dos casos são arquivados, mas a avaliação do contexto torna-se difícil face à dispersão de informação. A realidade dos crimes está envolta numa nuvem cinzenta. Nesta série escrutinamos o que está em causa no enquadramento jurídico dos crimes de ódio e quais os contextos que ajudam a explicar o aumento das queixas.

5 JUNHO 2024

Parlamento Europeu: extrema-direita cresce e os moderados estão a deixar-se contagiar

A extrema-direita está a crescer na Europa, e a sua influência já se faz sentir nas instituições democráticas. As previsões são unânimes: a representação destes partidos no Parlamento Europeu deve aumentar após as eleições de junho. Apesar de este não ser o órgão com maior peso na execução das políticas comunitárias, a alteração de forças poderá ter implicações na agenda, nomeadamente pela influência que a extrema-direita já exerce sobre a direita moderada.

A tua lista de compras0
O teu carrinho está vazio.
0