Os concertos da temporada de câmara decorrerão entre 10, 16, 24 e 30 de Janeiro.

Serão interpretadas obras de Mozart (Sinfonias 39, 40 e 41), sob direcção de Bruno Borralhinho (Orquestra Sinfónica Portuguesa) no dia 10, Bach (Trio em Ré Menor, bwv 1036), Heitor Villa – Lobos (Assobio a Jato, para flauta e violoncelo), Joseph Haydn («London Trio» em Sol Menor e em Dó Maior) e Isang Yun (Pezzo Fantasioso per Due Dtrumenti Con Basso ad Libitum), com curadoria e flauta de Anabela Malarranha, flauta de Rui Matos e violoncelo Carolina Matosno, dia 16.

No dia 24, a memória será de Richard Wagner, com Siegfried Idyll, Andrew Cadima, com Dream para trombone solo e orquestra de cordas, e Aaron Copland, com Appalachian Spring: Suite. A direcção musical é de Jan Wierzba (Orquestra Sinfónica Portuguesa) e o trombone de Jarret Butler.

O dia 30 será dedicado a Mozart, (Trio Kegelstatt para clarinete, viola e piano, K498), Joly Braga Santos (Arie a Tre con variazione para clarinete, viola e piano) e Max Bruch (quatro peças para clarinete, viola e piano, OP. 83). A curadoria e a viola são de Pedro Saglimbeni Muñoz, o clarinete de Cândida Oliveira e o piano Bernardo Marques.

Local: Teatro Nacional São Carlos

Data e hora: 10 da janeiro e 24 de Janeiro às 20h00, 16 e 30 de Janeiro às 18h30

Preço: 10€ (10 e 24 de Janeiro); gratuito (16 e 30 de Janeiro)

Fotografia de Samuel Siniapar

Se queres saber mais sobre a agenda da cultura em Portugal, clica aqui.