Os artistas portugueses Clothilde e Samir apresentam a obra inédita “Uma prenda para Marc Vives”, criada no âmbito do projeto digital EP COLAB 2020, promovido pelo Gerador, em parceria com a AECID e o Conselho Cultural da Embaixada de Espanha em Portugal. Podes assistir à peça aqui:

No âmbito da promoção em Portugal da exposição virtual La Gran Conspiración, o Gerador desafiou os artistas Clothilde e Samir para criarem uma peça artística que estabelecesse um diálogo com o trabalho do artista espanhol Marc Vives, que integra esta exposição online.

A exposição La Gran Conspiración, promovida pela AECID, inaugura no dia 16 de dezembro aqui. Com curadoria de Manuela Pedrón Nicolau e Jaime González, para além do trabalho de Vives, reúne também obras dos artistas Clara Montoya, Agnès Pe, Paco Chanivet e Francesc Ruiz, criados especificamente para o meio virtual.

Como contam os dois autores, “apresentaram-nos sem toque nem presença Marc Vives. Deambulámos pela sua obra encontrando relações pela aproximação e pela antítese que estabeleceram as bases para uma relação humana tendo a tecnologia como mediador. Partimos de uma lógica de apropriação de imagens e palavras de Vives para a construção de uma prenda – resposta que se consubstancia num passeio sonoro e visual, como elogio à experimentação e liberdade, circulando entre o tecnológico e o artesanal.”

Clothilde ou Sofia Mestre, recorre ao uso de maquinaria e
modulares caseiros construídos pelo seu companheiro Zé Diogo, aka hobo
& the birds, para criar paisagens emocionais e estéticas que nos
enchem de texturas, melodias e secções, sem ponto de chegada definido,
sempre num take irrepetível de escuta brutalista. O seu álbum de estreia, Twitcher foi lançado pela Labareda, em 2018. Tem marcado presença em salas e festivais como ZDB, Damas, Paços Manuel, Lounge, Semibreve, WOS Festival, OUTFest, Zigurfest, entre outros.

Samir Noorali estudou Artes na António Arroio, Cinema na Escola Superior de Teatro e Cinema, Engenharia Multimédia no ISTEC, Animação 3D e Composição Vídeo no The.Edge e Filmar Vida Selvagem na Wildlife Film Academy. Trabalhou mais de uma década em grafismo e edição para programas e séries de TV, documentários e institucionais. Produziu vídeos e conteúdos gráficos para investigações académicas, projectos educacionais, exposições permanentes de museus, entre outros. Atualmente desenvolve os seus documentários e colabora com artistas na área das artes performativas e música.

O EP COLAB 2020, promovido pela AECID – Agência Espanhola de Cooperação Internacional para o DesenvolvimentoEmbaixada de Espanha em Portugal e Gerador, é um programa de atividades digitais que pretende colocar em contato artistas e entidades culturais espanholas e portuguesas. Descobre mais aqui.

clothilde-samir-gerador