O presidente da direção da Associação Portuguesa de Compositores vai participar numa conversa no Palco Oeiras 27 acerca da cultura popular, no dia 21 de maio pelas 18h00, juntamente com a presidente da Biblioteca Operária Oeirense, Isabel Domingos, e o Diretor Geral do Grupo de Teatro Intervalo, Fernando Tavares Marques.

Depois de terminar o Curso Geral de Composição da Escola de Música do Conservatório Nacional de Lisboa, concluiu o bacharelato em Composição na Escola Superior de Música de Lisboa, onde estudou com o professor e compositor Christopher Bochmann. Trabalhou mais tarde, com o compositor Emmanuel Nunes, em Paris, enquanto bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian.

Em 1997, iniciou os estudos de Direcção de Orquestra no Conservatório de Dijon, na classe do Maestro Jean Sebastian Béreau, tendo conquistado, em 2002, a medalha de ouro do concurso de finalistas do respectivo conservatório. Trabalhou também com o Maestro Peter Rundel e Emílio Pomarico, na área da direcção de música contemporânea, e colaborou com o primeiro na gravação de Duktus e Epures de la serpen vert, bem como na ópera Das Märchen, de Emmanuel Nunes. Em 2009, estreou na Casa da Música, como maestro assistente, a obra La Douce, de Emmanuel Nunes.

Em 2002, iniciou os projetos Orquestra A2M – Arquivo da Memória Musical e, em 2003, o grupo de música contemporânea, Lisbon Ensemble 20/21. Em 2003, estreia-se em Portugal com a Orquestra Filarmonia das Beiras, tendo desde então dirigido vários agrupamentos e orquestras, no pais e no estrangeiro, de que se salientam a
Orquestra do Algarve, Orquestra de Câmara de Almada, a OrquestrUtópica, o Grupo de Musica Contemporânea de Lisboa, a Orquestra Gulbenkian e o Remix Ensemble. É um dos fundadores e agora presidente da direção da Associação Portuguesa de Compositores desde 2017.

De 20 a 22 de maio vamos tentar responder à pergunta "Há uma nova oportunidade para a cultura agora?", dando voz a nomes como David Throsby, Gonçalo M. Tavares, Ana Jara, Welket Bungué, Emília Ferreira, Nuno Centeno, Beatriz Gomes Dias, John Romão, Martim Sousa Tavares e muitos outros.

Vais poder assistir a concertos, debates, performances, entrevistas, masterclasses e ter acesso a um recinto totalmente virtual com espaços que vão desde os palcos à restauração, passando pela sala onde podes conviver com outros festivaleiros. Descobre tudo na página principal do Oeiras Ignição Gerador.

Compra já aqui o teu passe de 3 dias