Nos dias 31 de janeiro e 1 de fevereiro, a Câmara Municipal da Figueira da Foz vai prestar uma homenagem ao cineasta João César Monteiro, natural da cidade.

O programa inclui o descerramento de uma placa com o nome Auditório João César Monteiro (atual Pequeno Auditório), a exibição dos filmes Vai e Vem (2003) e As Bodas de Deus (1999), bem como a realização de um colóquio sobre a vida e obra do cineasta, que reunirá um painel de oradores que estão ligados ao cineasta.

João César Monteiro nasceu na Figueira da Foz em 1939 e faleceu em Lisboa em 2003. É unanimemente considerado pela crítica como um dos mais importantes e originais cineastas portugueses. A sua obra cinematográfica é composta por longas, médias e curtas metragens. Em 1989, o seu filme Recordações da Casa Amarela venceu o Leão de Prata no Festival de Veneza, e, em 1995, neste mesmo festival, viu o seu filme A Comédia de Deus receber o Grande Prémio Especial do Júri.

Local: Centro de Artes e Espetáculos da Figueira da Foz

Datas e horas: 31 de janeiro, às 21h30, e dia 1 de fevereiro, a partir das 16h00

Preço: Entrada livre

Fotografia disponível no site do CAE

Se queres saber mais sobre a agenda da cultura em Portugal, clica aqui.