A Fábrica do Braço de Prata recebe, pela primeira vez, Braço das Artes, um mercado que junta a imagem, a palavra, o movimento e a música. Durante três dias há conversas, workshops, concertos, uma feira do livro e da ilustração e um concerto.

O primeiro dia abre com uma conversa dedicada ao centenário do Partido Comunista Português com Manuel Rodrigues, conduzida por João Morales, seguida de outra com Pedro Prostes da Fonseca e Fernando Rosas sobre A História Desconhecida de Carlos Rates, moderada por Vladimiro Nunes e, pelas 21h00, haverá um concerto de Espírito Nativo e uma conversa da Snob. Nos dias 26 e 27, há um workshop de linogravura, concertos de Flor de Lácio e Hélder Moutinho e muito mais conversas em torno do universo da música e dos livros. 

No dia 25, o evento decorre das 18h00 às 22h00. Já nos dias 26 e 27 será a partir das 15h00, também até às 22h00. Sabe mais, aqui

Fotografia de Daniel Julio disponível via Unsplash