Para uns tipos que andam sempre a dizer que o Gerador é uma plataforma de ideias para a promoção da cultura portuguesa, falta mostrar o que valem. Não somos só uma revista, eis outra coisa que andamos todos orgulhosos a fazer.

Em 2015, junta-se aos seis palcos no Festival NOS Alive uma nova área, inteiramente dedicada à arte urbana. Este sétimo espaço vai receber várias intervenções realizadas por alguns dos mais reconhecidos artistas desta expressão artística: Add Fuel, Ana Aragão, Arraiano, Burry Buermans, Godmess, Mário Belém e Tamara Alves. Assim o NOS Alive conta nesta edição com sete olhares singulares sobre a árvore do logótipo, através da intervenção destes sete artistas. Uma árvore que significa estar vivo (e ao vivo) e exige transformação, como uma criança que se torna jovem e um jovem que se torna adulto. Sete artistas, sete árvores, sete cores, sete espaços NOS Alive (palco NOS, palco NOS Clubbing, palco Heineken, Pórtico de Entrada, Coreto, palco Caixa e palco Arte Urbana).

O Gerador acredita que as marcas gostam de cultura e que têm cada vez mais vontade de apostar nela. Por isso, adoramos aceitar desafios das marcas, quaisquer que sejam, aos quais respondemos sempre com cultura portuguesa. Ou então, não respondemos! Esta foi a forma que encontrámos de promover artistas e entidades culturais e, claro, não o escondemos, de financiar o Gerador (sobretudo aquelas iniciativas pelas quais dificilmente as marcas se interessarão) ;)

Vemo-nos lá!