fbpx

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

Estoril Futurista: uma homenagem a Santa-Rita Pintor e ao Manifesto Futurista

Em homenagem a Santa-Rita Pintor – artista da primeira geração de pintores modernistas portugueses —…

Texto de Redação

Apoia o Gerador na construção de uma sociedade mais criativa, crítica e participativa. Descobre aqui como.

Em homenagem a Santa-Rita Pintor – artista da primeira geração de pintores modernistas portugueses — e tendo como base o Manifesto Futurista - num projeto de colaboração entre a União de Freguesias de Cascais e Estoril com o artista Fidel Évora e produção criativa da Ghost Creative Productions — será realizada a exposição Estoril Futurista, resultado de um workshop com alunos da Escola Básica de São do Estoril, uma conversa, e uma intervenção pública de Fidel Évora, na Rua de Santa Rita, em São João do Estoril.

A exposição, com entrada gratuita, inaugurou dia 10 de Julho, na Galeria de Arte Estoril, podendo ser visitada até ao dia 23 de Julho, de segunda a sexta, entre as 9h00 e as 17h00.

No último dia da exposição (23 de Julho), haverá uma conversa, às 19h00, que abordará ideias acerca do mundo criativo, do movimento futurista, da educação, entre outros temas, com a participação de João Macdonald, investigador em história da arte e especialista em Modernismo português, Pedro Teixeira da Mota, investigador, e Guilherme de Santa-Rita, sobrinho neto de Santa-Rita Pintor.

Resultado de um workshop de pintura e serigrafia desenvolvido por Fidel Évora com alunos entre os 6 e os 9 anos, a exposição é a materialização das experiências, desenvolvimentos de novas texturas inspiradas pelo corpo de trabalho, metodologias de criação e principais agentes de inspiração do artista educador com objetivo de dotar e dar a conhecer aos alunos ferramentas e perspetivas que lhes permitam materializar as suas ideias em criações artísticas individuais num ambiente educativo e fortemente focado em liberdade de expressão criativa.

A fase final do projeto é uma intervenção criativa e de reabilitação de um muro no espaço público da União de Juntas do Estoril e Cascais, também na Rua de Santa Rita, em São João do Estoril, concebida e executada pelo artista Fidel Évora, a partir de dia 12 de Julho.

Recorrendo a referências visuais e teóricas deste movimento, pretende-se igualmente divulgar a importância do movimento futurista e a sua evolução desde o início do século XX, data do seu nascimento, mais concretamente a 20 de Fevereiro de 1909, após a publicação da sua “constituição”, o Manifesto Futurista.

Os seguidores deste movimento veem no progresso e na industrialização uma forte fonte de inspiração, sendo bastante comum observarmos pinturas ou criações futuristas representativas de máquinas ou outros objectos mecânicos em movimento. Foi neste género artístico que Guilherme Santa Rita se tornou num ícone mundial do movimento com as suas pinturas, sendo uma das diversas referências a abordar durante o workshop proposto.

Texto a partir de comunicado
Fotografia de Manuel Lino

Publicidade

Se este artigo te interessou vale a pena espreitares estes também

11 Junho 2024

Prémio Fundações vai dar 50 mil euros a projetos de arte, ciência, cidadania e solidariedade

4 Junho 2024

Irene Flunser Pimentel: “o identitarismo é a grande arma da extrema-direita”

28 Maio 2024

Tiago Fortuna: “a deficiência é um espaço de combate para quem a habita”

21 Maio 2024

Mulheres na política: movimento cívico quer subir o limiar da paridade para 50%

15 Maio 2024

No IndieLisboa 2024 o “olhar atento e urgente sobre o mundo” ecoa em todos os filmes

14 Maio 2024

António Sampaio da Nóvoa: “a melhor política educativa é a valorização daquilo que já se faz”

7 Maio 2024

Festival Mental está de volta a Lisboa para a sua 8.ª edição

30 Abril 2024

Flávio Almada: “Devemos recusar a geografia do medo”

16 Abril 2024

‘Psiquiatria Lenta’: Crónicas de João G. Pereira no Gerador editadas em livro

9 Abril 2024

Fernando Dacosta: “Baixou-se o nível das coisas que fomenta a infantilização das pessoas”

Academia: cursos originais com especialistas de referência

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

O Parlamento Europeu: funções, composição e desafios [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Fundos Europeus para as Artes e Cultura I – da Ideia ao Projeto

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação à Língua Gestual Portuguesa [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Iniciação ao vídeo – filma, corta e edita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Práticas de Escrita [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Pensamento Crítico [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Comunicação Cultural [online e presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

O Parlamento Europeu: funções, composição e desafios [para entidades]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Produção de Eventos Culturais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Planeamento na Comunicação Digital: da estratégia à execução [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Introdução à Produção Musical para Audiovisuais [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Narrativas animadas – iniciação à animação de personagens [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Jornalismo e Crítica Musical [online ou presencial]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Viver, trabalhar e investir no interior [online]

Duração: 15h

Formato: Online

30 JANEIRO A 15 FEVEREIRO 2024

Soluções Criativas para Gestão de Organizações e Projetos [online]

Duração: 15h

Formato: Online

Investigações: conhece as nossas principais reportagens, feitas de jornalismo lento

5 JUNHO 2024

Parlamento Europeu: extrema-direita cresce e os moderados estão a deixar-se contagiar

A extrema-direita está a crescer na Europa, e a sua influência já se faz sentir nas instituições democráticas. As previsões são unânimes: a representação destes partidos no Parlamento Europeu deve aumentar após as eleições de junho. Apesar de este não ser o órgão com maior peso na execução das políticas comunitárias, a alteração de forças poderá ter implicações na agenda, nomeadamente pela influência que a extrema-direita já exerce sobre a direita moderada.

22 ABRIL 2024

A Madrinha: a correspondente que “marchou” na retaguarda da guerra

Ao longo de 15 anos, a troca de cartas integrava uma estratégia muito clara: legitimar a guerra. Mais conhecidas por madrinhas, alimentaram um programa oficioso, que partiu de um conceito apropriado pelo Estado Novo: mulheres a integrar o esforço nacional ao se corresponderem com militares na frente de combate.

A tua lista de compras0
O teu carrinho está vazio.
0