Hoje, pelas 21h30, a atriz Rita Cruz vai interpretar um texto no site Gerador e, logo de seguida, responde a eventuais questões do público em direto. Licenciada em Teatro-Atores pela ESTC e em Reabilitação e Inserção Social pelo ISPA, foi co-fundadora da companhia Teatro do Elétrico. Trabalha regularmente nas produções do teatro desde 2008 como atriz e com encenação de Ricardo Neves-Neves.

Quando o vídeo da leitura encenada terminar podes ainda juntar-te à artista numa conversa em direto no nosso canal de youtube. Basta clicares aqui e pelas 18h40 vais poder colocar questões à atriz e perceber melhor o processo de criação deste vídeo. Aproveita ainda para subscrever o nosso canal de youtube e seguir de perto todas as nossas loucuras.

Um bilhete para a cultura

Cultura para matar o bicho é uma iniciativa do Gerador que promete levar, diariamente, um conjunto de momentos culturais até tua casa, promovendo as mais diversas áreas, entidades e pessoas ligadas à cultura portuguesa.

Todas as iniciativas culturais diárias que estamos a fazer no nosso site são gratuitas para o público mas remuneradas para os artistas que nelas participam. Apoia-nos e contribui para que continuemos a levar a cultura portuguesa a todos, através do donativo que podes fazer já aqui do lado esquerdo :-)

Se gostas destas iniciativas fica por aqui, o resto da semana está também recheado de cultura aqui no nosso site. Desde duetos em direto com artistas de áreas culturais diferentes, passando por mesclas ao vivo, a leituras encenadas sempre às quintas-feiras, até a workshops de tudo o que pode ser útil para casa. Descobre aqui o nosso plano semanal para levar a cultura a casa de todos. E sabe mais sobre o compromisso do Gerador para os próximos tempos aqui.

Em televisão, Rita Cruz destaca a participação no Eterno Debate (RTP2), na série Amar Demais (TVI), na telenovela A Herdeira (TVI), A Impostora (TVI, A Única Mulher (TVI), entre muitas outras. Em cinema participa no filme Bia de Patrícia Vidal Delgado, Planeta Adormecido (RTP), Verdade Escondida – Homenagem a Manoel de Oliveira de João Viana, entre outros.