Teresa Tavares estreou-se em 2000 como atriz e, desde então, trabalha em teatro, cinema e televisão. Frequentou o Curso de Actores da ESTC; o Shakespeare Course da Lamda e fez ainda formação no Lee Strasberg Institute, enquanto bolseira da Gulbenkian. Em teatro destaca-se o seu trabalho com Daniel Gorjão (Quarteto; Júlia; Radiografia de um Nevoeiro Imperturbável; um dia dancei SÓ dancei um dia), Nuno M. Cardoso (Emília Galotti; Maria Stuart; Nothing Hurts), João Canijo (Persona), Luís Moreira (Sonho de uma noite de Verão), Isabel Medina (Tio Vânia), Rita Lello (Ensaio no Feminino; Com o amor não se brinca), Celso Cleto (Sylvia Plath).

Em cinema foi dirigida por João Canijo, Fernando Lopes, Werner Schroeter, Tiago R. Santos, Patricia Plattner, Ana Rocha de Sousa, Jason Buttler, Mark Heller, Sofia Bost, entre outros. É presença assídua na televisão portuguesa, tendo participado em inúmeras séries, novelas e telefilmes. Entre os seus últimos trabalhos em televisão destacam-se as séries Até que a Vida nos Separe, realizada por Manuel Pureza e Cavalos de Corrida, realizada por André Santos e Marco Leão (a estrear na RTP). Em 2012 foi um dos membros fundadores do Teatro do Vão, com o qual colabora como atriz e criadora.

No Trampolim Gerador, a 9 e 11 de setembro, Teresa Tavares vai participar interpretar a peça "Comida Dramática", escrita por Tiago R. Santos.

O Trampolim Gerador volta a dar o salto de 9 a 12 de setembro e invade a Central Gerador com performances, conversas, concertos, arte urbana, gastronomia e muito mais. A organização conjunta do Gerador e da Junta de Freguesia do Lumiar traz até ao Largo das Conchas autores como Filho da Mãe, Rão Kyao, Margarida Montenÿ, Pitanga, Tiago R. Santos, Pedro Branco, Luís André Sá e muitos outros. Descobre tudo aqui.

VOLTAR À PÁGINA