O argumentista escreveu a performance "Comida Dramática", que vai estrear no Trampolim Gerador no dia 9 de setembro, pelas 20h00. Dois Casais - um que se apaixonou durante a pandemia, outro que se começou a afastar - desencontram-se no Gerador ao Largo. Enquanto jantam, tentam decifrar as novas regras de um mundo quase-pós-pandémico. Curioso?

Depois de uma curta carreira como jornalista, Tiago R. Santos iniciou o seu trabalho de argumentista em 2007 com Call Girl. Seguiram-se filmes como Os Gatos Não Têm Vertigens, Índice Médio da Felicidade e Parque Mayer.

Em televisão, trabalhou em séries como Liberdade 21, Conta-me Como Foi, Filhos do Rock e País Irmão. É autor do romance A Velocidade dos Objectos Metálicos. Atualmente, é crítico de cinema para o suplemento GPS, da revista Sábado, e co-autor de O Mundo Não Acaba assim, série em exibição na RTP1.

Para o Trampolim Gerador criou a performance inédita Comida Dramática que podes ver de 9 a 11 de setembro.

Trampolim Gerador volta a dar o salto de 9 a 12 de setembro e invade a Central Gerador com performances, conversas, concertos, arte urbana, gastronomia e muito mais. A organização conjunta do Gerador e da Junta de Freguesia do Lumiar traz até ao Largo das Conchas autores como Filho da Mãe, Rão Kyao, Margarida Montenÿ, Pitanga, Tiago R. Santos, Pedro Branco, Luís André Sá e muitos outros. Descobre tudo aqui.

VOLTAR À PÁGINA